Como o investimento em tecnologia pode transformar a sua gestão financeira

investimento em tecnologia

Todo empresário sabe da necessidade de uma boa gestão financeira do seu negócio, que pode ser diretamente responsável pelo sucesso da empresa.

Ao se falar sobre administração de um estabelecimento, um dos primeiros elementos que surgem no horizonte é justamente o do gerenciamento das finanças, para que todos os elementos que envolvam recebimentos e pagamentos sejam bem cuidados.

Isso é fundamental, já que sem um conhecimento amplo sobre o quanto se gasta e o qual o valor das entradas de receita pode acontecer um prejuízo para uma companhia.

As grandes empresas de instalações elétricas, assim como os pequenos escritórios de contabilidade, geram um fluxo constante de informações, que precisam ser corretamente armazenadas e gerenciadas.

Não à toa, o mercado apresenta uma série de soluções para a administração desse departamento, que ajudam no controle de vários dados e informações relacionadas ao estabelecimento.

A tecnologia surge nesse cenário como um elemento de suma importância. Afinal, as ferramentas que são hoje encontradas para que as empresas consigam ter maior eficiência em sua gestão financeira são cada vez mais completas e personalizadas.

Por isso,é possível dizer que a tecnologia se torna essencial para o sucesso de um negócio, e as novidades que aparecem contribuem positivamente para isso.

Afinal, elas não se tratam apenas de planilhas simples, mas de sistemas que possibilitam um controle total sobre os elementos financeiros de uma empresa.

Para saber mais sobre os benefícios que o investimento em tecnologia pode oferecer para transformar as suas finanças, siga na leitura deste conteúdo e amplie os seus conhecimentos sobre o assunto.

O que é a gestão financeira?

Imagine como funciona uma empresa de locação de empilhadeira. Os negócios feitos no estabelecimento estão diretamente relacionados ao investimento na compra de equipamentos de alto custo, que são alugados por um determinado período de tempo.

Quando a companhia tem um grande número de clientes, certamente a quantidade de máquinas que ela precisa ter é maior. Além disso, cada contrato terá um período específico, de acordo com a necessidade do cliente.

Também há diferentes formas de pagamentos envolvidas. Há quem parcela o valor da locação, seja por boleto, por cheque ou cartão de crédito, assim como há quem paga à vista.

Todo esse cenário mostra quantas informações financeiras são geradas em um estabelecimento, que precisam ser devidamente controladas para que não haja excesso de gastos ou prejuízos com a inadimplência de clientes.

A gestão financeira entra nesse ponto, já que sem ela se torna impossível conciliar uma série de dados que são gerados todos os dias no estabelecimento.

Anotá-las em um bloco de notas seria inviável, não é mesmo? Por isso, com o passar do tempo, surgem vários recursos que contribuem para o armazenamento, assim como para a utilização dessas informações no dia a dia de um negócio.

Gestão financeira: passado e presente

Como não poderia deixar de ser, uma fabricante de carpete em manta precisa investir em tecnologia para que a organização do seu negócio seja feito de modo cada vez mais otimizado.

Para entender do que se trata esse investimento, é interessante conhecer os principais recursos que ficaram no passado, assim como os que estão sendo implementados atualmente, que mostram a evolução das ferramentas de gestão.

Anteriormente, todos os registros financeiros de uma empresa eram feitos em arquivos físicos, assim como em livros caixa. Esses livros continham informações sobre cada entrada e saída de dinheiro do estabelecimento, e precisavam ser feitos em ordem cronológica.

As notas fiscais emitidas sobre a venda de necessaire personalizada brinde, por exemplo, eram feitas em talões de notas, de duas vias, onde uma delas era disponibilizada para o cliente e a outra era encaminhada ao contador do negócio.

Posteriormente, muitas das informações geradas por uma empresa eram registradas em tabelas complexas de Excel.

Essa já foi uma grande revolução, já que os recursos oferecidos pela ferramenta auxiliavam no registro de dados e em operações automáticas na planilha de controle, oferecendo maior agilidade na rotina da empresa.

Mas atualmente esse cenário mudou, e pode ser ainda melhor com a evolução e os benefícios que a tecnologia oferece para o mundo corporativo.

Atualmente, é possível contar com um sistema emissor de nfe, onde a simples inserção do CPF do cliente já preenche os seus dados automaticamente, assim como as informações sobre tributação referentes a um determinado produto.

Além disso, há diversos softwares que são desenvolvidos para atender ao estabelecimento, oferecendo os recursos que ele precisa. O fluxo de caixa pode ser completamente administrado em um sistema completo de gestão financeira.

Isso vai desde o controle das despesas do local, com a folha de pagamento e com o consumo de serviços essenciais, até as entradas recebidas, com um registro completo das vendas realizadas, e de outros elementos que oferecem retornos para o negócio.

Sendo assim, a tecnologia se mostra essencial para transformar a gestão financeira de uma empresa e oferecer todo o suporte que ela precisa para administrar o seu empreendimento no dia a dia.

Quais investimentos podem ser feitos?

Para que o crescimento de uma empresa possa ocorrer de modo satisfatório, ela precisará fazer uma série de investimentos com o passar do tempo, seja para o desenvolvimento de aplicativos mobile para os seus clientes, ou em ferramentas de gestão para o negócio.

No setor financeiro, alguns recursos podem transformar o funcionamento da companhia e garantir que as melhores decisões sejam tomadas em relação ao departamento.

Dessa forma, é possível colher resultados cada vez melhores com a administração do estabelecimento.

Consultoria focada em tecnologia para a gestão financeira

Se você tem dúvidas sobre em quais elementos investir para que a sua área financeira seja bem administrada, é possível recorrer aos serviços de uma consultoria focada em tecnologia, voltada para soluções em gestão financeira.

Isso quer dizer que um profissional qualificado fará uma análise do seu negócio, com o intuito de entender quais são as necessidades mais expressivas em termos de administração das finanças, podendo oferecer um relatório sobre o que deve ser feito.

Assim, antes de sair adquirindo vários sistemas que podem não ser úteis para a sua empresa, você terá subsídios para investir naqueles que fazem maior sentido para o seu tipo de companhia.

Softwares e sistemas de finanças

Como não poderia deixar de ser, os softwares são ferramentas importantes para qualquer empresa que queira investir em tecnologias para potencializar as funções administrativas do seu negócio.

Um sistema de gestão erp, por exemplo, pode ser o recurso que faltava para uma empresa que precisava de um software para o gerenciamento do seu negócio, unificando áreas importantes para um controle maior dos gestores.

Os softwares hoje podem ser desenvolvidos de modo personalizado, o que quer dizer que apenas os recursos que precisam ser utilizados pela empresa estão presentes no sistema.

Com isso, o programa se torna uma ferramenta exclusiva da empresa, e pode ser atualizado conforme novas demandas forem surgindo no local.

Um software de gestão financeira pode ser desenvolvido com recursos como:

  • Entrada e saída de valores;
  • Controle de vendas;
  • Controle de estoque;
  • Emissão de notas fiscais;
  • Cadastramento de fornecedores;
  • Entre outros.

Uma empresa de conciliação cartão de crédito, por exemplo, pode ser muito mais eficiente no registro das suas informações financeiras ao contar com um sistema completo de gestão das finanças.

Treinamentos qualificados da equipe

Investir em ferramentas de gerenciamento financeiro é fundamental, mas tão importante quanto isso é qualificar a sua equipe para que seja possível utilizar um software na sua máxima potencialidade.

A implementação de um sistema pode mudar toda a rotina do estabelecimento, de modo que os funcionários responsáveis pela área administrativa e financeira devem receber um suporte por parte da empresa, para poder operar a nova ferramenta adequadamente.

Para isso, é fundamental oferecer um treinamento para a equipe, que ajudará a descobrir as funcionalidades oferecidas pelo programa e a utilizá-las de acordo com o cargo de cada membro do time.

Ao investir nessas frentes, as mudanças feitas no setor financeiro da empresa podem gerar uma série de benefícios para o negócio, tornando-o cada vez mais eficiente.

Os benefícios do investimento em tecnologia para a gestão financeira

Grande parte dos recursos que são implementados dentro da empresa podem ser responsáveis por mudanças positivas na rotina, assim como por tornar o trabalho mais simples e otimizado.

Nesse sentido, quando o estabelecimento se volta para o investimento em ferramentas de gestão financeira, alguns benefícios podem ser facilmente notados.

Um dos principais se trata da centralização das informações, permitindo que dados importantes sejam verificados em um único local.

Além disso, um sistema ajuda de forma eficaz na redução de erros, já que automatiza vários procedimentos de registro.

Ao lidar com as finanças, isso é ainda mais sério, e faz com que o software seja indispensável para o estabelecimento.

Outro recurso que pode ser obtido rapidamente com um sistema de gestão financeira são os relatórios da empresa.

Com esses documentos em mãos, as tomadas de decisão podem ser assertivas, gerando melhores resultados para a empresa.

Nesse cenário, é possível perceber a importância que a tecnologia possui diante do departamento financeiro de uma empresa.

Por isso, se você ainda não investiu em ferramentas de gestão para o seu negócio, faça isso o quanto antes para melhorar a administração da sua companhia.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Leia Também:

CRM na Gestão de Comércios: Qual a Importância?

Leave a Reply