Torne a manutenção preventiva uma forte aliada do seu lar

Manutenção Preventiva

A manutenção preventiva residencial é muito importante e deve ser realizada antes que algum problema mais complicado apareça. Ela evita prejuízos aos imóveis que podem custar muito mais caro, e podem exigir, até mesmo, uma reforma.

Muitas pessoas ignoram uma pequena avaria e não procuram resolvê-la o quanto antes. Isso pode trazer consequências mais graves, principalmente quando, no ato da construção, os materiais escolhidos não são de boa qualidade.

Todo o investimento pode ir por água abaixo. Por isso, independentemente da qualidade dos materiais, é imprescindível entender a manutenção residencial, sua importância e o que deve ser levado em conta.

O que é manutenção preventiva residencial?

A manutenção preventiva é um cuidado realizado nas construções, mesmo quando não existem avarias aparentes. Ela funciona como uma precaução que mantém a integridade do imóvel.

Sua realização é importante para evitar problemas que surgem do nada, que podem causar muitas consequências, inclusive ameaçando a vida ou a integridade física de seus moradores.

Ela envolve muitos cuidados que vão desde a contratação de empresa de projetos elétricos para os cuidados com a fiação, até o reparo de pequenos problemas que, segundo a ABNT, não podem ser negligenciados.

Importância da manutenção residencial

A limpeza de uma casa é o melhor método para torná-la habitável, assim como a manutenção é a melhor maneira de torná-la segura.

Quando ela tem efeito reparador, procura consertar aqueles problemas antes que eles interfiram na vida dos moradores. 

Isso evita que a manutenção tenha efeito restaurador, lidando com problemas que já atrapalham o dia a dia.

De qualquer forma, a manutenção preventiva traz muitos benefícios, como:

  • Segurança;
  • Bem-estar;
  • Economia;
  • Tranquilidade.

Sendo assim, é importante estar atento às principais ações da manutenção preventiva, mostradas no tópico a seguir.

Principais cuidados da manutenção preventiva

A verdade é que a construção toda sempre precisará de manutenção. Mas dentre as principais estão:

Prevenção de infiltração

A infiltração é um dos maiores inimigos de uma construção. Os cuidados com equipamentos eletrônicos, como contrato manutenção preventiva ar condicionado, são importantes, mas a infiltração causa estragos que podem comprometer toda a estrutura.

Para evitar, é importante fazer a impermeabilização de paredes e telhado, além de aumentar beirais de calçadas. Caso ela já esteja acontecendo, o ideal é resolver a raiz do problema.

É importante verificar as condições do telhado, forro e telhas, bem como se há vazamentos na caixa d’água. 

O uso de calhas também protege contra infiltrações, portanto, ela também deve ser verificada e substituída em caso de danos.

Cuidados com a parte hidráulica

Toda construção deve ter um bom projeto hidráulico, mesmo assim, é essencial fazer manutenções contra vazamentos e entupimentos, principalmente em ambientes como cozinha e banheiro.

Um profissional especializado pode detectar vazamentos e problemas, mesmo quando estes são imperceptíveis. E o ideal é que a manutenção hidráulica seja realizada anualmente.

Dentre os intervalos das manutenções, o proprietário do imóvel deve fechar saídas de água e observar o medidor. Se o ponteiro continuar rodando, é porque existe algum problema.

Para preservar o sistema hidráulico, também é recomendável não jogar lixo e restos de alimento dentro da pia. Isso pode causar entupimentos que requeiram a ação de uma empresa de limpa fossa.

Cuidados com a parte elétrica

Essa manutenção verifica se a dimensão de cabos e fios está adequada às necessidades do imóvel. Mas mesmo que não existam problemas aparentes, a fiação deve ser observada a cada 3 anos.

Ela vai verificar a necessidade de substituir interruptores, disjuntores, tomadas, além de fios e cabos danificados. 

Também são detectadas fugas de energia, riscos de curto-circuito e outros problemas que passam despercebidos até que aconteçam.

Essa manutenção deve ser feita por eletricistas, cabendo ao proprietários não sobrecarregar os pontos de energia ligando vários equipamentos ao mesmo tempo.

Outro cuidado que pode ser realizado pelo proprietário é a substituição de lâmpadas queimadas, além de optar pelas lâmpadas de led que são mais econômicas.

Conclusão

A manutenção preventiva residencial é muito importante para que o imóvel seja, de fato, um lar. E por ser preventiva, deve ser realizada antes que algum problema mais grave apareça.

Assim como os veículos, as construções também precisam de cuidados. Isso evita gastos com reformas e consertos que podem estar completamente fora do orçamento. 

Esses pontos fazem da manutenção preventiva a melhor escolha nos cuidados que envolvem o lar.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

 Leia Também:

Conheça os tipos de esquadria e escolha a ideal para a sua casa

Leave a Reply